Waldir Acessórios

83

3222.6633

Notícias

Volkswagen prepara as bases para o sucessor do Gol

15/08/2018

Em visita rápida ao Brasil, Herbert Diess deu o ponta-pé no desenvolvimento das bases que sustentarão um futuro carro popular da Volkswagen no Brasil. O CEO alemão esteve em reuniões no país durante apenas um dia, mas foi suficiente para deixar claro que a marca germânica trará à luz um novo produto para suceder Gol e Up na linha de entrada. 


Conforme já havia sido revelado aos concessionários em Buenos Aires, o plano da Volkswagen é até 2020 colocar um produto como sucessor do Gol, o chamado A00. Essa nova proposta deve encerrar a carreira do clássico nacional, embora haja a possibilidade do nome ser mantido, já que é forte o suficiente para fazer dele ainda hoje o quarto carro mais vendido do mercado. De acordo com o site Valor Econômico, Diess se reuniu com as lideranças sindicais das três fábricas de automóveis da Volkswagen no Brasil: Taubaté-SP, São Bernardo do Campo-SP e São José dos Pinhais-PR. A indicação é de que o local de produção não foi definido ainda e como já sabemos, tudo dependerá de um bom acordo com os trabalhadores locais para ser implementado.

Afinal, o novo produto irá gerar um novo investimento, adicional ao montante atual de R$ 7 bilhões até 2020. Como se trata de um produto de volume, a injeção de dinheiro não será pouca. Para não deixar claro essa indefinição, Diess disse que é preciso união das três para que o projeto dê um resultado eficiente. E sobre o carro? Diess – que também se reuniu com diretores, gerentes e concessionários Volkswagen – não revelou detalhes sobre o projeto, porém, a revelação argentina sobre o A00 indica o uso de uma nova plataforma, que provavelmente será a derivação mais simples da MQB A0 dos atuais Polo e Virtus. Essa nova base será importante para a VW não só no Brasil, mas também na Índia, onde deve ser usada pela Skoda numa nova geração de carros baratos para aquele mercado. Por ser um carro de entrada, abaixo do Polo, podemos esperar por um hatch menor e abaixo de 4,00 m e possivelmente entre-eixos mais curto. Na mecânica, o motor EA211 1.0 MPI deve ser predominante na maioria das versões e talvez o 1.0 TSI com calibragem do Up numa configuração mais cara.

O design deve acompanhar o irmão Polo devido ao fato do Up ter sido rejeitado por parte dos consumidores ao ser focado demais em sua função, deixando a estética de lado.

[Fonte: Valor]/Projeção: Kleber Silva]

Formas de pagamento